Turismo no Brasil: crescimento e otimismo

Posted by on Jan 31, 2013 in Turismo e Eventos

Os números de 2012 para o turismo no Brasil são muito satisfatórios. A expectativa é que 2012 apresente os melhores resultados de todos os tempos nos números relacionados ao turismo doméstico.

Segundo análise do Departamento de Estudos e Pesquisas do MTur, a marca de viagens internas realizadas subirá de 190,8 milhões, registrados em 2011, para 197 milhões em 2012. Já o número de brasileiros que viajaram dentro do país calcula-se que chega a 60 milhões, superando o recorde histórico de 58,9 milhões em 2011.

As empresas do setor de turismo no Brasil registraram aumento no faturamento médio de 18,3% em 2011. A 8ª edição da Pesquisa Anual de Conjuntura Econômica do Turismo (Pacet), realizada entre janeiro e março de 2012, reúne informações sobre o desempenho da atividade turística no ano passado e prognósticos para este ano. A pesquisa teve o foco em empreendimentos com 110 mil empregados e faturamento de R$ 50,9 bilhões.

O fortalecimento da economia nacional, o aumento de demanda por viagens e investimentos, a expansão do volume de operações e a imagem favorável do Brasil no exterior foram apontados pelos empresários como alguns dos fatores que sustentaram o crescimento das atividades.

Os resultados consolidados mostram o desenvolvimento do setor como um todo – que superou as expectativas indicadas pela pesquisa em 2010. As empresas faturaram em média 18,3% mais, ampliaram em 5,7% o quadro de funcionários, majoraram em 7% os preços e tiveram aumento de custos da ordem de 9,9%.

Para os próximos anos, as expectativas para o turismo no Brasil são animadoras, principalmente pela maratona de grandes eventos internacionais que ocorrerão no país.

Para saber mais sobre o relatório, acesse o site do Ministério do Turismo.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>